Bethesda

Desde o ano passado, intensas discussões ocorreram na internet, no site www.bethesda2001.cancer.gov., patrocinado
pelo Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos, onde profissionais de todos os países tiveram oportunidade de
opinar sobre possíveis modificações no sistema Bethesda.
Isto culminou com o encontro de Bethesda 2001, ocorrido de 30 de abril a 2 de maio de 2001, em Bethesda, Maryland,
USA, onde foram revisados aspectos relacionados a terminologia e relatório de citologia cervical. Mais de 400
citopatologistas, citotecnologistas , clínicos e representantes de pacientes participaram. Quarenta e cinco
sociedades profissionais, de mais de 20 países, enviaram representantes.
As conclusões tiradas foram organizadas em uma proposta de nova terminologia que é vista a seguir.

SISTEMA BETHESDA (2001)

1. Adequácia do espécime
1.1 Satisfatório para avaliação
1.2. Insatisfação para avaliação devido…
Ø Espécime rejeitado
Ø Espécime processada e examinada, mas insatisfatório

2. Categorização geral
2.1 Negativo para lesão intra-epitelial ou malignidade (opcional)
2.2 Anormalidade em célula epitelial
2.3 Outro

3. Revisão automatizada
4. Testes ancilares

5. Interpretação / diagnóstico descritivo
5.1 Não neoplásico Ø Negativo para lesão intra-epitelial ou malignidade
Ø Organismos:
– Trichomonas vaginalis
– Fungos
– Alteração de microbiota (vaginose)
– Actinomyces sp.
– Herpes simplex virus
Ø Outros achados não neoplásicos
– Alterações reativas associativas a:
* Inflamação
* Radiação
* DIU
– Células glandulares benignas pós Histerectomia
– Atrofia
5.2 Outros
Ø Células endometriais ( em mulheres > 40 anos de idade)
5.3 Anormalidades celulares epiteliais
Ø Células escamosas
– Células escamosas atípicas de significado indeterminado (ASCUS)
– Células escamosas atípicas em que não se pode excluir HSIL (ASC-H)
– Lesão intra-epitelial escamosa de baixo grau (LSIL)
– Lesão intra-epitelial escamosa de alto grau (HSIL)
– Carcinoma de células escamosas
Ø Células glandulares
– Atípicas
* Endocervicais
* Endometriais
* Glandulares
– Células glandulares/ endometriais, favorecendo neoplasia
– Adenocarcinoma
* Endocervical in situ
– Adenocarcinoma
* Endocervical
* Endometrial
* Extra-uterino
* Não especificado
5.4 Outras neoplasias malígnas

6. Notas educacionais e recomendações (opcionais)

Itarget Tecnologia