CBR

 

21

julho

2017

Ex-presidente do CBR comandará a Flaus a partir de 2019

Antonio Mateoni

Antonio Carlos Matteoni após ser nomeado presidente eleito da Flaus

O Dr. Antonio Carlos Matteoni de Athayde, presidente do Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR) nos anos de 2015 e 2016, tornou-se, no dia 14 de julho, por votação unânime, presidente eleito da Federação Latino-Americana das Sociedades de Ultrassonografia (Flaus). O fato ocorreu em assembleia realizada durante o XVIII Congresso da entidade, realizado na capital paulista.

Além do Dr. Matteoni, a diretoria da Flaus para os próximos dois anos ficou definida da seguinte forma: o Dr. Jorge Rabat, da Venezuela, tornou-se presidente em exercício; o Dr. Luis Fernando Chavarría Estrada, da Costa Rica, o presidente-passado; a Dra. Edda Chaves, também da Venezuela, passou a secretária; e o Dr. Fernando Huerta, do Peru, foi nomeado tesoureiro.

Uma das atividades futuras será a organização em 2019 do XIX Congresso da Flaus, a ser realizado em outubro daquele ano, na cidade de Fortaleza (CE). “Obviamente, as outras vertentes da Flaus não serão esquecidas, mas no meu caso em particular, tenho uma obrigação maior com a realização do evento, que será em conjunto com o Congresso Brasileiro de Radiologia”, explica o Dr. Matteoni.

Assembleia

Assembleia reuniu presidentes de Associações de Radiologia e Ultrassonografia da América Latina

Segundo ele, dentro da comunidade da Flaus, a cidade de Fortaleza teve uma receptividade muito boa, pois todos conhecem sua beleza e suas praias maravilhosas. “Acredito que teremos uma quantidade bastante expressiva de latino-americanos no Congresso, e durante esses dois anos nós vamos trabalhar focados nisso”, afirma.

Em relação a seu futuro cargo de presidente em 2019, Dr. Matteoni diz ver na Flaus um papel importante relacionado aos países mais pobres. “A função primordial da entidade é justamente difundir a educação médica continuada e a formação de médicos praticantes da Ultrassonografia em países com condições financeiras mais baixas, pois sabemos que países como Brasil e Argentina têm capacidade de formar seus próprios médicos dentro dessa área, mas existem outros com realidade totalmente opostas na América Latina. Essa é a principal missão da Flaus e vamos identificar alguns meios que nos ajudem a realizá-la.”

O evento

Realizado entre os dias 13 e 15 de julho, o Congresso da Flaus, que é promovido a cada dois anos, teve como novidade a participação online, e de duas maneiras: via transmissão simultânea ou por meio de reprises. A Dra. Cristina Chammas, ex-presidente da Flaus, teve atuação importante na organização desse evento.

“Dentro das dificuldades que tivemos, com a mudança de sede, realizar um congresso internacional com apenas 60 dias foi um êxito, um sucesso. Os participantes gostaram muito do nível científico”, finaliza o Dr. Matteoni.

Noticias Aleatórias